O TEMPO QUE NÃO VOLTA MAIS …

L’ora che più non ritorna/ O tempo  que não volta mais

La chiave del cuore, / A chave do  coração ,
sinceramente offerta,/ sinceramente ofertado,
stringi nelle mani./apertado nas mãos.
Comprendere ami? / Compreender a mim?
Trasparente contenitore,/transparente contenedor,
come cristallo di boemia./ como  cristal  de Boemia.
In controluce apprezza,/ Contra a luz apreciado,
scruta la limpidezza / percebes a tranlucidez
del licor rosso/ do  licor vermelho
la qualità, l’intensità./a  qualidade, a intencidade.
Dell’Anima, vino sincero,/ Da Alma, sincero  vinho,
stima il profumo,/ se aprecia o  perfume,
saggia il sapore,/ experimenta o  sabor,
ottima annata certifica,/ certifica  a excelente safra,
con moderazione tonifica./com moderação  tonifica.
Ma il tempo ossida,/ Mas  com o tempo  oxida,
di bere è l’ora/ de beber  é  tempo
che più non ritorna/ que não  retorna mais
e vivendo sognare./ e vivendo  sonhar

28febbraio2007 (C) RenatoLonzar_deCastroHistra

 

http://blog.alice.it/bloggers/poesierenato/weblog.php?PHPSESSID=68d7f3bf36ad5bc89e5d72947ff72308

 

Fratellone Renè …

Mi piace molto  queste parole … Io  penso  come  è triste quello  tempo  che non ritorna più  , nel  tempo  che l’amore era vicino  all cuore e  tutto  era felicità …Purtroppo  quello  vino  di  bere  troppo  ogni  giorno  non abbiamo  più  … Abbiamo adesso  bisogno  di  sognare  con altro  vino  d’otima annata… O Dio …

Baci  mille , Is@ 

 

Esse post foi publicado em Poesia. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s