PENSANDO …que temos feito de nossas vidas?

 

Material necessário
– Tecido Organza de cortina colorida
– Tecido Escócia (ou tela borboleta)
– Molde de flor de 12 x 12 centímetros
– Alfinetes
– Cola quente
– Tubos de PVC cortados com 6 centímetros de altura em duas espessuras: 4 e 3 cm de diâmetro
– Tesoura

Modo de fazer

– Queimar as pontas da pétala para formar os “enroladinhos”, aproximando as bordas do tecido na lamparina.
– Depois de queimar todas as pétalas, abrir bem as pétalas e queimar levemente entre elas, para que o tecido não desfie.
– Recorte um quadradinho de escócia (ou tela borboleta) e formar o fundo da forminha, passando através dos canos de PVC. Colar as dobrinhas e cortar as sobras. Vai ficar parecendo uma tampinha.
– Colar uma pétala por baixo da tampinha com cola quente, depois as laterais e fixe com os tubos segurando as pétalas para não descer. Depois de colar retire o tubo menos e mantenha a forminha dentro do tubo maior.
– A parte cole duas pétalas intercaladas, coloque-as centralizadas sobre o tubo menor, segurando as pétalas com os dedos passe um pouco de cola no fundo e nas laterais e encaixe dentro da forminha que está dentro do tubo maior. Segure até que a cole seque totalmente.

Dicas

– A forminha valoriza muito a decoração, é ela a responsável pelo volume e movimento na mesa, com variações de cores e texturas.
– Não se esqueça que a mesa de doces é sempre muito aguardada e apreciada. Não deixe de valorizá-la e lembre-se que nem todos os docinhos da festa precisam estar na mesa. Algumas bandejas de docinhos podem ser servidas, sem a necessidade das forminhas elaboradas.
– A quantidade de forminhas vai depender do que se espera da decoração. Por isso, converse com o decorador, veja qual o espaço destinado para os doces e como eles serão colocados, se em bandejas rasas, peças fundas ou diretamente sobre a mesa. Mas lembre-se que existem forminhas de maior e menor volume.

COISANDO  AS COISAS !

SE É QUE ISSO É POSSÍVEL  HAHAHAHAHAHAHAH
 
Que temos feito  de nossa vida?
 
A sua vida pertence a Deus. Ela é apenas emprestada à você
por um breve período de tempo, após o qual você terá
inevitavelmente que devolvê-la."

E o que temos feito da vida que pertence a Deus? Como temos
cuidado dela? Deixemos que Cristo a administre e o nome do
nosso Deus será engrandecido até o dia em que voltaremos
para Ele.

 
 
Esse post foi publicado em SENTIMENTOS. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s